Crawler Detect

Ano letivo começa com novidades em Tamarana
TV União Rádio União Impressas - PDF Interativo

Cidades • 10 de fevereiro de 2018 • 09h34

Ano letivo começa com novidades em Tamarana

Município firmou parceria com o Programa A União Faz a Vida, da Sicredi. Além disso, material de ensino complementar foi ampliado para o 4º ano

O ano letivo na rede municipal de educação de Tamarana teve início na última segunda-feira (5) com duas novas iniciativas já em fase de implantação. A primeira delas é a ampliação do material de ensino complementar para os estudantes do 4º ano das escolas do município. A utilização do material começou em 2017, com os alunos do ensino infantil ao 3º ano.

 

Assim como no último ano, o Grupo Expoente será o responsável por fornecer os livros e prestar todo o apoio pedagógico ao trabalho em sala de aula. A empresa foi a vencedora da nova licitação lançada pela Prefeitura de Tamarana para a prestação do serviço, em um investimento de R$ 411.849,00 por parte da administração municipal. "Para o ano que vem, a nossa expectativa é atender toda a rede, até o 5º ano", projetou a secretária municipal de Educação, Maisa Nakata.

 

A segunda novidade é o início das atividades do Programa A União Faz a Vida, da Sicredi Agroempresarial, para os mais de mil alunos da rede municipal de educação (inclusive do CEI filantrópico Vinde a Mim). A iniciativa é resultado de uma parceria firmada entre a Secretaria de Educação e a instituição para os próximos cinco anos.

"Nosso objetivo é colaborar com a educação para que as crianças se tornem cidadãos mais cooperativos e menos individualistas", contou o Assessor de Comunicação, Marketing e Programas Sociais da Superintendência Regional da Sicredi Agroempresarial, Thiago Augusto Pereira. Ele também explicou que o programa fomenta a participação dos pais e toda a comunidade no desenvolvimento das atividades dos estudantes.

 

Antes do começo das aulas, 87 professores da rede municipal passaram por dois dias de formação sobre o Programa A União Faz a Vida. A prática foi realizada na Escola Municipal Professora Iracema Torres Rochedo. "O professor pode trabalhar qualquer assunto do seu currículo com a metodologia do programa. Temos exemplos de outros municípios de como o União Faz a Vida mudou a realidade escolar no dia a dia", concluiu Thiago Augusto Pereira.

 

Lucas Marcondes Araújo/Asimp



Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário